quinta-feira, 22 de março de 2018

TEMPESTADES SOLARES


TEMPESTADES SOLARES
GRANDES TEMPESTADES SOLARES QUE CAUSAM ANSIEDADE,
FADIGA E PODEROSAS MUDANÇAS ENERGÉTICAS: 16 A 20 DE MARÇO

(Via Alex Myles)

“No dia em que a ciência começar a estudar os fenômenos não-físicos, fará mais progresso em uma década do que em todos os séculos anteriores de sua existência. Para compreender a verdadeira natureza do universo, deve-se pensar em termos de energia, frequência e vibração.”
~  Nikola Tesla

A energia cósmica está com uma intensidade alarmantemente elevada há algumas semanas, e é provável que muitas pessoas estejam se sentindo esgotadas e exaustas.

As pessoas podem estar querendo saber com quanto mais elas conseguem lidar – e, infelizmente, isso não vai se resolver tão cedo.

Atualmente, há um buraco coronal grande, de 200.000 quilômetros de largura, que se abriu na atmosfera do sol, dividindo quase todo o hemisfério do sol virado para a Terra.

A partir desse buraco, na terça-feira, 13 de março, um fluxo de vento solar de alta velocidade (plasma quente) foi ejetado e voou em direção à Terra a uma velocidade mais rápida do que 600 quilômetros por segundo. O vento extremamente carregado vem torcendo o campo magnético da Terra (bolha protetora) desde então.

As labaredas solares são lampejos repentinos de luminosidade, que são erupções gasosas do sol. Elas liberam uma enorme quantidade de partículas e gases tremendamente quentes e de elevada energia, que são ejetadas a milhares de milhas do sol. A quantidade de energia necessária para uma labareda disparar é de aproximadamente 160.000.000 megatons de TNT.

Todavia, a Academia Russa de Ciências prevê que o pior está por vir. Sua previsão mostra que eles esperam grandes tempestades geomagnéticas entre 21 a 26 de março.

As tempestades solares perturbam temporariamente a magnetosfera da Terra, à medida que os ventos e as labaredas solares interagem com os campos eletromagnéticos da Terra.

Os seres humanos também são afetados, porque cada um de nós possui um campo eletromagnético pessoal que nos envolve – uma aura. Consequentemente, da mesma maneira que a energia eletromagnética afeta nosso planeta, também pode causar estragos em nossos campos energéticos.

Embora estejamos um tanto protegidos pelo campo magnético da Terra, acredita-se que a energia intensa, extremamente carregada, produza um grande efeito em tudo o que existe na Terra, e que pode impactar muito qualquer coisa, desde emoções a dispositivos elétricos.

As tempestades solares são conhecidas por causar um enorme impacto nas comunicações radiofônicas, sistemas de navegação/GPS, tecnologia e organismos vivos.

A energia solar demonstrou que pode alterar a circulação sanguínea, aumentar a adrenalina e afetar a pressão arterial. Também afeta nossos padrões de sono como já foi mencionado.

Um dos motivos porque podemos estar atualmente enfrentando um pico na atividade solar é que em 20 de março e 23 de setembro de cada ano, a Terra e o sol se alinham de modo que o dia e a noite têm aproximadamente a mesma duração. Os equinócios são conhecidos por provocar rachaduras no campo magnético da Terra que permanece aberto por horas.

Essas tempestades solares coincidem com a formação das “rachaduras do equinócio”, que muitos cientistas acreditam se formam semestralmente durante o equinócio. Isso abrirá um portal para permitir que a energia altamente vibrante flua do universo e afete diretamente as partículas energéticas na Terra, inclusive os seres humanos.

Um portal permite viagens rápidas entre as dimensões de dois locais distantes no universo, por exemplo, do sol para a Terra.

O portal é um período temporário de transformação, de mudança de vida, que nos permite a oportunidade de experimentar com um despertar pleno e consciente, por meio da energia renovada, possibilidades infinitas, sabedoria superior, níveis aumentados de amor e sabedoria. Esta é uma tremenda oportunidade de alinhar-se com a energia do universo.

Durante as tempestades solares, as massas de energia luminosa se infiltram na atmosfera terrestre, e absorvê-la pode ser excessivamente estimulante; de modo que possamos observar nossa energia – e a das outras pessoas que nos rodeiam – parece super intenso, como se todos ficassem extremamente irritados, emotivos, ansiosos, fatigados, desorientados, ou estressados.

Isso provavelmente é devido ao fato de que estamos atualmente imersos em uma dessas poderosas tempestades solares que estão emanando energias eletromagnéticas poderosas.

As tempestades solares são conhecidas por tirar de sincronia nosso ritmo circadiano, que é relógio biológico interno, que controla nossos períodos de sono e vigília. Nossa glândula pineal é afetada por essa atividade eletromagnética e produz um aumento de melatonina, o que perturba nosso sono e afeta nossa intuição. Podemos melhorar nossa intuição e percepção psíquica.

Acredita-se também que as tempestades solares afetem diretamente nosso sistema nervoso, fazendo com que nos sintamos mais irritáveis, cautelosos e mal-humorados, e como se estivéssemos utilizando adrenalina no modo “lutar ou fugir”.

Quando essas tempestades ocorrem, podemos nos sentir desorientados ou agitados, sem saber por quê. Podemos também notar que nossos sentidos estão em alerta máximo, e que tudo parece e soa mais alto, mais luminoso, mais forte e mais vívido do que normalmente.

Pesquisas constataram que as tempestades geomagnéticas podem ter um enorme efeito em nossa saúde emocional, mental, espiritual e física. Picos de ansiedade, depressão, transtorno bipolar, fadiga e nervosismo foram constatados coincidindo com a atividade solar.

Isso pode ser tão extremo, que muitas pessoas podem se sentir como se tivessem acessado uma nova realidade, enquanto deixam para trás seus pensamentos, emoções e crenças antigas e ultrapassadas. A transformação pode ser tão poderosa que pode levar as pessoas a deixar qualquer relacionamento ou dinâmica que esteja provocando dor ou destruição.

Isso é semelhante ao “sintoma da ascensão semelhante à gripe”, que ocorre quando alguém está passando por um período de intenso despertar e o seu corpo está transcendendo de um corpo físico para um “corpo de luz”.

Acredita-se que a luz divina que se irradia para nós, durante e após a atividade solar, é para nos permitir avançar rapidamente no processo de ascensão, o que pode provocar qualquer um dos sintomas seguintes:

- dores de cabeça por pressão e dores generalizadas, principalmente no estômago (área do plexo solar);

- sentir-se ruborizado, tonto ou nauseado;

- ter dificuldade em concentrar-se, ficar confuso ou ter uma “mente nebulosa”;

- sensação de fome e sede intensas;

- fadiga extrema, exaustão, falta de energia, insônia, perturbações nos padrões do sono;

- surtos aparentes de irritabilidade, tristeza, nervosismos, raiva, preocupação, medo, pesar e opressão;

- conscientização aumentada, intuição aprimorada, ter insights que parecem surgir do nada;

- premonições, sonhos intensos ou pesadelos;

- sintomas fisiológicos podem se manifestar, tais como, semelhantes a gripe, zumbidos nos ouvidos, ou dores;

- ansiedade frequente, estresse ou sensação de pânico sem motivo claro;

- perda temporária de memória, esquecimento de coisas, perda de itens;

- ver ou sentir energias, tais como, orbes ou lampejos de luz, perceber a energia esquentando as palmas das mãos;

- apreço pela sacralidade de toda a vida;

- notar sincronicidades, isto é, certos padrões numéricos reaparecendo;

- estar mais atento conscientemente aos campos energéticos das outras pessoas e extremamente sensíveis à negatividade;

- desejar passar um tempo a sós, introspecção.

As tempestades geomagnéticas são períodos de intensa transformação, que podem trazer toques de despertar para abertura mental e nos reconectar ao conhecimento e sabedoria universais internos e externos.

Para garantir que entramos em ressonância com esta energia mais elevada de modo que nossa vibração se eleve, podemos combater os efeitos da atividade solar por descansar e reservar tempo de nossas agendas lotadas para fazer o seguinte:

- Bebam bastante água filtrada (não água de torneira);

- tomem banhos de água salgada;

- meditem e permaneçam conscientes dos pensamentos e sentimentos recorrentes;

- evitem cafeína e álcool;

- passem algum tempo na natureza;

- consumam alimentos de vibração elevada, tais como, frutas e vegetais;

- lembrem-se de que tudo no universo é constituído de energia e que os pensamentos e intenções conscientes podem alterar instantaneamente o modo como pensamos e nos sentimos;

- respirem profundamente, perdoem, liberem e se rendam;

- pratiquem a gentileza, a compaixão, a aceitação e a empatia;

- permaneçam conscientes dos pensamentos e sentimentos recorrentes;

- quando possível, desconectem-se temporariamente da tecnologia e de qualquer coisa ou pessoa cuja energia seja tóxica e extenuante.

Acredita-se que as frequências que emanam da tempestade solar limpam e purificam o nosso sistema para que possamos nos libertar dos bloqueios tóxicos emocionais, mentais, espirituais e físicos.

Por isso, muitos de nós ficaremos conscientes das questões de nosso passado que estão voltando à tona, a fim de obter nossa atenção – em última análise, para que nossas feridas emocionais abertas possam ser curadas.

É vital que não reprimamos ainda mais essas memórias, uma vez que o fracasso em cuidar de nossos danos energéticos fará com que eles se repitam de diversas maneiras, principalmente ao nos manter aprisionados em relacionamentos dolorosos e turbulentos.

Essas tempestades solares estão coincidindo com a Lua Nova de março, por isso, um trabalho interior profundo será essencial nos próximos dias.

No geral, estamos recebendo uma oportunidade para uma grande transformação pessoal – para remover bloqueios e antigos padrões, para perceber e manifestar nosso propósito e expandir nossa percepção consciente.

Se estivermos dispostos a sintonizar e integrar, de modo ativo, essa energia cósmica, em vez de resistir temerosamente a ela – e se conseguirmos permanecer positivos e abertos, de modo que possamos nos adaptar em ritmo acelerado às constantes mudanças que estão acontecendo – podemos tirar proveito desta conjuntura favorável.

Durante as alterações intensivas de energia, é extremamente recomendável limpar nosso campo energético no começo e no fim de cada dia, meditando ou passando algum tempo sozinhos.

As correntes de vento solar provocam auroras ou Auroras Boreais, então, há uma grande possibilidade de serem observadas ao redor do Ciclo Ártico durante os próximos dias. Geralmente são vistas uma hora antes do nascer do sol, ou uma hora ou duas, após o pôr-do-sol.

Aviso legal: Se tiverem alguns dos sintomas listados aqui, busquem também a opinião de um profissional médico. Os sintomas acima são comumente observados durante tempestades geomagnéticas, pode haver, porém, outras causas médicas.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
Formatação - DE CORAÇÃO A CORAÇÃO
http://www.decoracaoacoracao.blog.br
https://lecocq.wordpress.com
Site original: Elephantjournal.com
Tradução de Ivete Brito – adavai@me.comwww.adavai.wordpress.com
Grata Ivete!

LUZ!
STELA




Print Friendly and PDF

Nenhum comentário:

Postar um comentário