segunda-feira, 13 de março de 2017

PALAS ATHENA - DO QUE ESTÁ CHEIO O VOSSO CORAÇÃO?


DO QUE ESTÁ CHEIO O VOSSO CORAÇÃO?
PALAS ATHENA
Canalizado por Vinícius Francis
13 de Março 2017

Amados de Deus, que seja sobre vocês derramada a luz da Cura e que sejam todos abraçados e abençoados pela presença do Espírito da Verdade. Eu sou Palas Athena, que convosco caminha nas trilhas do Eterno Deus a fim de construir junto a vocês a plenitude do viver. E aproximo-me na humildade do meu Ser com o objetivo de compartilhar convosco palavras de ancoragem e motivação interior, bem como, de reflexão.


Neste dia, estamos derramando luz sobre a Terra. E, através desse derramar, temos contemplado a humanidade em seu atual estágio de despertar. E, com base nisso, quero vos fazer as seguintes perguntas: Do que vosso coração está cheio? O que abunda em vocês neste exato momento?

Não respondam com base naquilo que costumam falar ou no querer, respondam com base no que sentem agora. O que falam muitas vezes é reflexo do que desejam para si. Nem sempre o falar demonstra exatamente o que levam em vosso interior. Claro que é válido avaliar por esse ângulo também.

Ninguém sustenta por muito tempo um falar que não revele as reais intenções interiores. Normalmente, professam aquilo que dão vida em si mesmos. Mas, como a mente é enganosa e o ego por vezes mostra-se traiçoeiro por suas crenças de manipulação e vaidade, vocês podem se pegar em discursos mentirosos acerca de verdades que não vivem.

E sobre isso quero chamar a vossa atenção hoje. Cessem o falar e as justificativas intelectuais. Olhem para dentro, para aquilo que sentem e me respondam: Do que estão cheios? O que está predominando interiormente em vocês agora? O que levam em vosso coração?

Amados, eu vejo muitos lábios que disseminam amor, mas o coração está banhado em revolta. Eu vejo discursos de honra e posturas externas de aparente maturidade e evolução espiritual, mas conflitos internos de todos os tipos, falsidade e sujeira que se acumulam. Eu vejo pessoas se colocando a frente de trabalhos de orientação e iluminação, mas levando em si culpas, mágoas, inveja, maldade, mentiras.

Por isso vos perguntei – Do que realmente vosso coração está cheio? O que realmente estão sentindo e nutrindo em si? Porque ao se comportarem de um jeito e estarem de outro, do lado de dentro, enganam a si mesmos e se tornam cúmplices de seus próprios enganos. E nada conseguem de realmente satisfatório no caminho. Pois os frutos, sim, os frutos, demonstram a verdade.

A boca professa o querer e os comportamentos externos podem ser manipulados a fim de que os outros tenham uma determinada imagem sobre vossa pessoa. Mas a vossa energia não pode ser manipulada dessa forma. Continua-se vibrando ódio e medo, ressentimentos e maldade, corrupção, mesmo se comportando perante o mundo de maneira íntegra e honrosa. Todavia, os vossos frutos revelarão quem realmente vocês são e o que têm escolhido nutrir.

Digo isto porque a luz da Verdade permeia a Terra com grande potência e graça. E ela trará à luz o que escondido estava. E isso já tem acontecido. Então, embora seus comportamentos externos e o vosso falar possa ser manipulado, assim como faz um ator que interpreta um personagem que não necessariamente tenha a ver com o seu real jeito de ser e personalidade, a vossa energia cria sempre em conformidade com aquilo que sentem, porque não se pode pôr máscaras em vossa vibração.

Não podem mentir para o Universo. Não podem forjar perante ele. E essa inteligência, estejam certos, vos entregará tudo conforme a medida que trazem nos cestos internos. E será sempre assim até que finalmente, mudem.

Até que finalmente o vosso discurso esteja em consonância com aquilo que estão vivendo interiormente. É mais honroso serem “maus” do que “falsos bons”. Porque aquele que escolhe a maldade tem a coragem de assumi-la e vivê-la perante o mundo e principalmente, perante si mesmo.

Mas aquele que finge ser o que não é, vive de engano, emana engano e com isso trai a si e todos em volta. Como está escrito num de seus livros espirituais: Sejas frio ou quente, jamais morno. Porque o morno não toma uma decisão, está em cima do muro.

O frio escolheu ser frio, o quente da mesma forma.

O morno não se decide, é omisso em seu viver e isso não é bom, nem para quem assim vive e nem para os que estão em seu convívio. A mentira espalha o engano, a verdade espalha luz. A mentira não pode semear a luz assim como a luz não pode semear o engano e a mentira.

Portanto, tomem uma postura firme. Escolham quem querem ser e o que realmente querem viver. Aquilo que sentem, deixem vir à tona. Porque nada pode ser curado sem vir à tona. Emoções e sentimentos presos se convertem em doenças ao corpo.

Deixem transbordar o que nutrem em vosso coração. É mais sincero que sejam “maus” em honestidade e coragem do que serem “bons” externamente, estando corrompidos em vossas intenções internas.

Observamos a Terra hoje com olhar minucioso, sondamos a humanidade e esse tipo de comportamento, percebemos muito. E por causa desta percepção venho vos dar o alerta.

Neste caminho de indecisão, de vida morna, omissão e mentira vocês estão plantando sofrimento. E colherão sofrimentos. E sei que alguns ao lerem se identificarão com o que estou dizendo. E os que se identificarem, proponham-se à verdadeira mudança de atitude, proponham-se uma decisão.

Relações por conveniência onde não existe mais o necessário amor, trabalhos por conveniência onde não há mais motivação, amizades forçadas, relações que se movem pela força e não mais pela afinidade natural que cria laços e sentimentos nobres. Estas árvores de nobreza produzem frutos ricos que saciam, fortalecem, alimentam e nutrem o interior. Amizades com pessoas de maior poder aquisitivo por interesses egocêntricos e sociais.

Relações nas quais um tira proveito de algo que o outro pode oferecer, mais sem um verdadeiro e bom sentimento que torna a troca justa e enriquecedora para ambas as partes. Famílias erguidas pela mentira e conveniências, relações matrimoniais que se fazem vivas pelo status e poder econômico.

Laços feitos pela vaidade, pelas aparências, quando em vosso interior se sentem enojados. A boca fala que ama, mas o coração repudia. Os braços abraçam, mas os sentimentos repelem. O corpo se movimenta no trabalho, mas a alma não. A amizade não tem mais cor, porém os sorrisos falsos e forçados, a simpatia manipulada e forjada conduzem o relacionamento sem verdade. Sem alma, sem essência, sem o Bem.

E isso cria energias que aprisionam vocês na mesma maldade que usam para manipular a situação e “jogar” com os outros ou consigo próprios o jogo da mentira e da infelicidade. Cujo dissabor alimenta diariamente a insatisfação e desgosto do espírito por viver numa vida sem Verdade.

Não somente nas relações, como consigo mesmos, muitas vezes. Muitos são vilões de si próprios, muitos são seus próprios inimigos, traindo-se pelos papeis sociais, pelas convenções materiais, pela postura politicamente correta que visa a aceitação externa e os aplausos obtidos em cima da mentira.

Acorrentam-se para deixarem subir ao palco da realidade um eu que não é o real.
Amados, prestem atenção, isso está criando sofrimento.
Amados, isso vos prejudica seriamente!
Transformem-se e saiam desse condicionamento.

Tomem uma decisão honesta e serão mais honrosos a partir dela, para si mesmos primeiramente.
E depois, o serão para os outros e vosso mundo.

Que vossos lábios estejam repletos das palavras que verdadeiramente tragam os reais sentimentos.

Que vossas relações sejam baseadas em compromissos sinceros, cujo interesse seja primeiramente no conteúdo interno de outrem e no alimento espiritual e sentimental obtido da interação.

Que vossos trabalhos sejam revestidos pela real motivação e não somente pelo dinheiro que receberão.

E quando perceberem que interiormente não mais respondem positivamente a algo, sejam verdadeiros, assumam isso e sigam o que sentem e serão mais bem sucedidos.

Que vossas vestes comportamentais sejam idênticas às que revestem vossa alma e sentimentos.
Que sejam da luz por dentro assim como dizem ser por fora.
Que sejam da Verdade por dentro assim como professam ser por fora.
Que sejam íntegros e justos por dentro assim como afirmam ser por fora.

Que vosso eu externo seja o exato reflexo do que realmente sentem, do que realmente acreditam, do que realmente validam.

Pois na sinceridade há honra. Há sempre mais compaixão e misericórdia sobre aqueles que “jogam limpo” do que sobre os que trapaceiam, mesmo em aparente boa intenção.

Que minhas palavras penetrem vosso Ser e que minhas intenções sejam bem recebidas, tal como a sabedoria que lhes ofereço nesta mensagem.

Verdade e sinceridade, amados!

Vos convoco a serem quem realmente são e não mais alimentarem e viverem de mentiras que criarão apenas sofrimento.

Eu Sou Athena, a vossa aliada.

Haja Luz! Haja Cura! Haja o Bem!

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - https://lecocq.wordpress.com
Direitos Autorais: © Vinícius Francis, 2017
http://os-filhos-da-alva.blogspot.com.br/2017/03/palas-athena-do-que-esta-cheio-o-vosso.html
Grata Vinícius!

LUZ!
STELA


Nenhum comentário:

Postar um comentário